Notícias

Pavimentando o desenvolvimento regional

Com seus 3467 quilômetros de extensão, a BR-163 integra o Sul ao Centro-Oeste e Norte do Brasil, ligando a cidade de Tenente Portela, no Rio Grande do Sul, a Santarém, no Pará. Em 2014, a rodovia foi privatizada no trecho que corta o Mato Grosso do Sul. O Grupo CCR, que venceu o leilão de concessão, iniciou as obras de pavimentação e duplicação. Na região centro-sul do estado, a Concrenavi Concreto Usinado, liderada pelo empresário José Alberto da Silva Júnior, presta serviços de pavimentação asfáltica para a CCR.

Recentemente, a Concrenavi adquiriu dois equipamentos da Volvo CE – uma Vibroacabadora ABG5820 e um compactador de asfalto DD100. “A CCR nos pediu para adquirir máquinas com grande tecnologia embarcada e escolhemos a Volvo pela robustez e qualidade. Começamos a utilizar os equipamentos em fevereiro deste ano nas obras da BR-163 e estamos muito satisfeitos com os resultados alcançados”, conta José Alberto.

Fundada em 2002, a Concrenavi está sediada na cidade sul mato-grossense de Naviraí e iniciou suas atividades operando na área de concreto. Nos anos seguintes, a empresa foi se expandindo, adquirindo duas pedreiras e quatro usinas de concreto. Com as usinas, a Concrenavi começou a atuar nos segmentos de recapeamento e construção de pavimentação asfáltica.

Os trabalhos de pavimentação na BR-163 foram iniciados pela Concrenavi em dezembro de 2014 nos trechos que vão da cidade de Guaíra, na divisa do Paraná com o Mato Grosso do Sul, até a cidade de Juti e nas imediações do município de Dourados. José Alberto destaca a importância da rodovia para o desenvolvimento regional. “Essas obras são essenciais para o desenvolvimento do nosso estado, pois a BR-163 representa o principal corredor de escoamento da produção agropecuária do Mato Grosso do Sul.”

Conheça os diferenciais da vibroacabadora ABG5820 e do compactador de asfalto DD100

Inserir um nome válido
Inserir um telefone válido
Obrigado por se inscrever na newsletter.

Em breve você receberá novidades sobre o mercado de construção de estradas.
Ocorreu um erro ao enviar as suas informações. Favor tentar novamente.
Favor preencher todos os campos que estão destacados em vermelho.

Últimas Notícias

Ver todas as notícias